Connect with us

O que você está procurando?

Facebook Twitter Instagram Youtube pinterest
Alto Astral
A dermatite seborreica se caracteriza pela descamação do couro capilar
A dermatite seborreica se caracteriza pela descamação do couro capilar (Crédito: Shutterstock)

Beleza

Dermatite seborreica: rosto e couro cabeludo podem ser afetados

Tricologista explica mais sobre causas, manifestação e tratamento da dermatite seborreica, popularmente conhecida como caspa

As caspas costumam ser motivo para bastante incômodo e, às vezes, até vergonha, já que é comum essas casquinhas caírem na roupa, por exemplo. Mas se engana quem pensa que isso é sinal de falta de higiene, viu? Por trás da caspa está uma condição chamada dermatite seborreica, capaz de afetar também outras regiões.

“A dermatite seborreica é uma inflamação crônica na pele e pode surgir em diversas áreas do corpo, principalmente naquelas que possuem um grande número de glândulas sebáceas, causando descamação da pele e vermelhidão”, explica a tricologista Ana Carina Junqueira, fundadora do Instituto Brasileiro de Estudos e Pesquisas em Medicina Capilar (IBEMC).

Segundo a especialista, por ser crônica, há períodos de melhoras e pioras dos sintomas, que podem persistir por meses ou até anos. Sua manifestação mais comum é no couro cabeludo, com uma estimativa de 40% da população brasileira sofrendo com as capas.

Dê preferência aos banhos mornos para não agravar a caspa
Dê preferência aos banhos mornos para não agravar a caspa (Crédito: Shutterstock)

“Caspa é, na realidade, o nome dado às casquinhas brancas que se formam devido à descamação do couro capilar. Além delas, a condição também pode resultar em manchas vermelhas, irritação e coceira, ocasionando feridas ainda maiores”, detalha Ana. 

Afinal, o que causa a dermatite seborreica? 

Segundo a médica, genética e predisposição familiar são grandes influenciadores do quadro. Contudo, o aumento do sebo e a proliferação de fungos já habitantes da pele também podem contribuir para o surgimento. O uso de produtos inadequados nos fios, por exemplo, se enquadra nessa segunda possibilidade, aumentando a oleosidade.

“A ingestão de álcool, alguns medicamentos e o tempo frio e seco também costumam ser culpados pela caspa. Porém, o que muitos não sabem é da ligação entre dermatite seborreica e desequilíbrio emocional. Maior estresse, ansiedade e fadiga geram predisposição”, alerta a tricologista. 

Alimentação saudável faz parte do tratamento de controle da dermatite seborreica
Alimentação saudável faz parte do tratamento de controle da dermatite seborreica (Crédito: Shutterstock)

Com cuidados, mas sem cura

Não há cura para a dermatite seborreica — e, consequentemente, nem para a caspa, que é uma manifestação do problema. Ainda assim, não precisa se desesperar, viu? Afinal, existem tratamentos de controle para a condição e seus sintomas, como o uso de produtos adequados e o acompanhamento profissional.

Além desses, a especialista destaca outros hábitos úteis para ajudar na situação: tomar banhos mornos, não prender os cabelos molhados, manter o couro cabeludo seco, ter uma alimentação balanceada, garantir uma boa noite de sono e, claro, cuidar do emocional.

Fonte: Ana Carina Junqueira, tricologista e fundadora Instituto Brasileiro de Estudos e Pesquisas em Medicina Capilar (IBEMC).

Mais notícias como essa

Saúde

Oftalmologista explica o que é glaucoma, quais são os principais sintomas e como tratar a condição

Beleza

Profissional lista cuidados para manter a saúde e beleza dos cabelos mesmo após procedimentos que podem danificá-los

Finanças e Empreendedorismo

Com o término do prazo para declaração do Imposto de Renda se aproximando, especialista esclarece as dúvidas comuns sobre o assunto

Estilo de Vida

As simpatias para o amor conseguem atrair pretendentes, ajudar o rolo a virar namoro e até fazer aquele alguém especial pensar em você