Connect with us

O que você está procurando?

Facebook Twitter Instagram Youtube pinterest
Alto Astral
Maximalismo: saiba como aderir a essa tendência de decoração
Maximalismo prioriza o exagero e permite o uso da criatividade - Foto: Shutterstock

Casa & Decor

Maximalismo: saiba como aderir a essa tendência de decoração

Confira dicas de especialistas para incorporar esse estilo na sua casa e deixá-la muito mais alegre e divertida

Após um período minimalista, onde menos era mais na decoração, chegou a vez do maximalismo ganhar espaço. O movimento, ao contrário do primeiro, prioriza o exagero, mas sem cair na cafonice, como explica a arquiteta Juliana Barros. 

“A decoração maximalista pode ser confundida com breguice por muitos, mas na medida certa, com móveis e acessórios que ajudam a entrar nessa estética, é possível criar um ambiente mais divertido, menos sério e neutro, com mais vida”, conta. 

Para quem gosta de ousar na decoração, a especialista, juntamente com a decoradora, Georgia Guedes, e a paisagista, Daiana Devitte, elencou 7 dicas que podem ajudar a incorporar o maximalismo em casa. Confira abaixo:

1. Reaproveite elementos

Sabe aquele objeto empoeirado que você tem em casa? Ele pode ser um excelente elemento para compor o estilo maximalista. “Podemos pensar em várias formas criativas de trazer leveza e diversão para um lugar. Reaproveitar itens antigos que temos em casa é uma excelente forma de usar a criatividade na hora de decorar. Uma cadeira velha ou uma galocha podem se tornar um vaso de plantas, por exemplo”, revela Juliana. 

2. Utilize plantas

No maximalismo, você também pode inserir plantas na decoração. A sugerida pela paisagista Daiana Devitte é a orelha de elefante. A espécie, da família das Aráceas, como a costela-de-adão, se destaca pelas suas folhas exuberantes. “Essa espécie precisa de banho de luz ou meia sombra, sendo necessário quatro a seis horas de luz direta por dia”, orienta. 

No entanto, a especialista alerta para o tamanho da planta, que pode chegar até dois metros de altura, com folhas de aproximadamente um metro. “A rega deve ser feita, no mínimo, uma vez ao dia, e necessita de um solo bem rico em nutrientes”, completa. 

Segundo ela, a orelha de elefante pode ficar em qualquer lugar da casa, como sala, quarto, cozinha ou banheiro. Tudo vai depender do seu gosto e do local que achar melhor para a espécie, que precisa de manutenção constante. “Se a planta estiver no vaso, procure trocá-la de recipiente pelo menos uma vez a cada ano”, recomenda. 

3. Móveis coloridos

Prateleiras, penteadeiras, cabeceiras e armários coloridos são perfeitos para esse tipo de tendência. Sendo assim, não tenha medo em apostar nas cores: invista em móveis com tons vivos, como o amarelo, o azul celeste e o rosa pink. 

4. Tapetes psicodélicos

Os tapetes também podem ser usados no maximalismo, principalmente modelos coloridos, com estampa e em um tom mais vivo. De acordo com Juliana, essas peças deixam o cômodo com um ar mais divertido, que é uma das principais propostas do estilo maximalista. 

5. Mix de estampas 

Para muitos, misturar estampas pode significar falta de noção de estilo, mas não na estética maximalista. O estilo permite que isso seja feito de várias formas: com a parede pintada em listras junto ao tapete com estampa quadriculada ou com um tapete com estampa de zebrinha e almofadas com poá. Você pode até utilizar quadros com desenhos no ambiente.

“O maior cuidado na hora de compor com várias estampas é se atentar ao fundo delas. A grande dica aqui é usar fundos que estejam dentro da mesma paleta de cores. Dessa forma, as estampas vão conversar entre si, mesmo que sejam muito diferentes. Outro cuidado importante é na escolha dos temas. É importante adotar um tema e seguir ele independente da estampa que irá utilizar”, aconselha Georgia. 

6. Itens divertidos

Aqui, a ideia é soltar a criatividade. “Tem diversos acessórios para o ambiente que ajudam a levar o ar mais descontraído, como o quadro com a língua que é a sigla da banda Rolling Stones, vasos coloridos e com formatos de onda e o letreiro de led, que vem fazendo muito sucesso e também é uma ótima opção para adicionar no cômodo”, sugere Juliana. Além disso, discos antigos, sapatos e bolsas, almofadas, livros, ou mesmo souvenirs trazidos de viagens podem ser usados na decoração

7. Atente-se a funcionalidade

Apesar de deixar o espaço incrível, é preciso ter atenção na hora de decorá-lo nos moldes do maximalismo. A arquiteta afirma que cores erradas, acessórios colocados em lugares incorretos, iluminação indevida podem atrapalhar quem está no ambiente, podendo prejudicar na atenção, caso queira ler, estudar ou trabalhar no cômodo.

Mais notícias como essa

Saúde

Oftalmologista explica o que é glaucoma, quais são os principais sintomas e como tratar a condição

Beleza

Profissional lista cuidados para manter a saúde e beleza dos cabelos mesmo após procedimentos que podem danificá-los

Estilo de Vida

As simpatias para o amor conseguem atrair pretendentes, ajudar o rolo a virar namoro e até fazer aquele alguém especial pensar em você

Finanças e Empreendedorismo

Com o término do prazo para declaração do Imposto de Renda se aproximando, especialista esclarece as dúvidas comuns sobre o assunto