Connect with us

O que você está procurando?

Facebook Twitter Instagram Youtube pinterest
Alto Astral
Será que é mesmo uma boa ideia seguir a dieta da banana?
Será que é mesmo uma boa ideia seguir a dieta da banana? - Shutterstock

Comportamento

Dieta da banana promete emagrecimento rápido, mas traz riscos; entenda

Médico nutrólogo explica quais os benefícios e malefícios da tendência da dieta da banana, que já existe desde 2008

Você já ouviu falar da dieta da banana? Apesar de existirem diferentes versões, o regime semi-restritivo consiste em se alimentar diariamente da fruta, no café da manhã. Nessa dieta, você pode escolher substituir todos os alimentos da refeição matinal por banana à vontade ou consumir apenas quatro bananas acompanhadas de um ou dois copos de água a temperatura ambiente ou morna.

A tendência do emagrecimento, que viralizou pela primeira vez em 2008 no Japão, foi criada pela farmacêutica Sumiko Watanabe, especialista em medicina preventiva. E, recentemente, ela voltou a ser tendência. Segundo dados do Google, as pesquisas pela dieta da banana aumentaram 2000% nos últimos três meses.

E realmente a banana tem bons benefícios. “A banana é uma fruta classificada como um alimento com alto valor nutricional, sendo rica em potássio, vitaminas do complexo B, magnésio, fibras e triptofano. A fruta também possui efeito antioxidante, antibacteriano, antitrombótico, vasodilatador, anti-inflamatório e anticarcinogênico. Ou seja, a fruta pode ser uma fonte alimentar barata e rica em fibras dietéticas”, explica o médico nutrólogo Jefferson Alexandre, que faz parte do time da Odara.

Porém, isso não quer dizer que a dieta da banana seja uma boa opção necessariamente. Isso porque ela também traz desvantagens e riscos, viu?

Riscos da dieta

Primeiramente, ao contrário do que se espera ao fazer a dieta, o exagero no consumo de banana pode atrapalhar o emagrecimento. “A redução de peso defendida pela dieta da banana se daria pela saciedade causada pela fruta, ao criar uma espécie de gel no estômago que levaria à demora da digestão, porém, o consumo exagerado da fruta pode dificultar o emagrecimento, justamente por ela ser rica em carboidratos, o que aumenta o valor calórico das refeições”, diz Jefferson.

Outros pontos de atenção levantados pelo especialista são que as dietas precisam sempre ser baseadas nos gastos energéticos e taxas metabólicas de cada pessoa, sendo necessário distribuir os nutrientes nos horários e refeições corretas. “É imprescindível o acompanhamento de um profissional especializado para um projeto alimentar personalizado que entenda todas as exigências de cada paciente e trabalhe em conformidade com o organismo para benefícios reais”, diz.

No caso da dieta da banana, isso não é feito, então a refeição principal do dia acaba tendo pouca variedade de nutrientes, o que, ao longo do tempo, pode ocasionar falta de energia para realizar atividades do cotidiano.

Vale ressaltar ainda que, de acordo com orientação do médico, pacientes renais crônicos e diabéticos devem fugir ainda mais dessa dieta. Isso porque o primeiro grupo não deve consumir grande quantidade de potássio e o segundo grupo deve evitar o excesso de açúcar.

Conclui-se, então, que apesar de a banana fazer bem, a dieta com o seu nome não é algo para de seguir sem acompanhamento médico. “Consumir banana é bom e traz resultados satisfatórios para a saúde. Porém, deve haver também estímulos de outros nutrientes ao longo do dia, para uma dieta equilibrada e que auxilie, realmente, na perda de peso. Tudo feito com acompanhamento e equilíbrio”, explica Jefferson.

Mais notícias como essa

Saúde

Confira quais alimentos podem elevar a imunidade e aprenda fazer um xarope natural para aumentar a proteção do seu organismo

Saúde

Muitas mães têm optado por extrair e armazenar o leite materno por várias razões; saiba como fazer isso corretamente

Receitas

Com esses alimentos ricos em colágeno, você vai conseguir mais saúde para sua pele e ainda retardar sinais de envelhecimento

Amor e Sexo

Comunicar o relacionamento à empresa e evitar que os assuntos íntimos interfiram no trabalho são cuidados para manter no ambiente profissional