Connect with us

O que você está procurando?

Facebook Twitter Instagram Youtube pinterest
Alto Astral
Saiba como seus hábitos podem afetar a saúde mental
Saiba como seus hábitos podem afetar a saúde mental - Shutterstock

Comportamento

5 hábitos que podem piorar a saúde mental e você não sabia

Muitas vezes, hábitos que você considera normais podem estar sabotando a sua saúde mental; veja lista feita por especialista

Conforme vivemos e crescemos, é comum criar hábitos. Entre eles estão as atividades que se faz todos os dias, o que se come, tempo de sono e tudo aquilo que faz parte de uma rotina. No entanto, alguns desses hábitos podem ser nocivos para a saúde mental, agravando casos de estresse, ansiedade e depressão.

Segundo Dr. Ariel Lipman, que é psiquiatra, mesmo situações inofensivas e comuns podem ser maléficas. Por isso, ele reforça a importância de criar também hábitos relaxantes. “Situações estressantes fazem parte da vida, mas é preciso ficar atento, além de estar sempre realizando atividades que ajudem a descontrair, como encontrar amigos, fazer exercícios e terapia”, explica o diretor da SIG – Residência Terapêutica.

Quer saber quais hábitos do dia a dia podem estar prejudicando sua saúde mental sem você nem perceber? Confira a seguir 5 deles a seguir!

Trabalhar em excesso

Sabe aquela história de que é necessário trabalhar o máximo possível e dar sempre tudo de si? Pois é! Quando isso passa dos limites, se torna um prato cheio para o estresse, ansiedade, entre outros problemas. Afinal, tão importante quanto trabalhar (ou até mais), é ter momentos de descontração e relaxamento.

“É claro que tem dias que precisamos trabalhar mais, outros menos, mas quando isso se torna uma rotina, é momento de parar para prestar atenção no quanto isso vem afetando a cabeça”, diz Dr. Ariel. Nesse sentido, o especialista recomenda que você tente organizar seus horários para separar um tempo para se divertir no dia a dia.

Dormir mal ou pouco

O sono é reparador, ou seja, essencial para uma boa saúde mental. Segundo o psiquiatra, é importante dormir, em média, 8 horas por noite, sem acordar com frequência durante a madrugada.

“Muitas pessoas que têm problemas de má qualidade no sono apresentam piora na saúde mental. O sono em excesso ou a insônia podem ainda ser sintomas de ansiedade e depressão. Por isso, é importante investir no tempo ideal de descanso”, alerta.

Continuar em relacionamentos tóxicos

Talvez a relação com as pessoas à sua volta não seja perfeita, então discussões podem ocorrer. Porém, é importante se cercar de pessoas com quem você tenha boas relações, e não tóxicas. E não é só nos relacionamentos amorosos, viu? Brigas frequentes com amigos e familiares são tão prejudiciais quanto.

Abusar das redes sociais

O tamanho da influência das redes sociais sobre a saúde mental vem muito sendo analisado e, de acordo com o médico, muitas horas na frente das telas podem afetar a mente por diversos motivos.

“O uso excessivo de redes sociais pode resultar em uma distorção da autoimagem ou transtorno dismórfico corporal, além de fazer com que a pessoa abandone outros hábitos para usar o celular e computador, ou seja, acabam se viciando”, explica.

Deixar a alimentação de lado

Uma alimentação equilibrada faz maravilhas para a sua saúde, inclusive a mental. Por isso, deixar a preocupação com ela para lá e fazer uma dieta desequilibrada pode ser um grande problema nesse sentido.

Mais notícias como essa

Estilo de Vida

Influenciadora mística Nanda Silveira explica o que pode atrapalhar a Lei da Atração e dá algumas dicas para você conseguir atrair o que pensa

Beleza

Corte curto e cheio de movimento é tendência entre celebridades; conheça o choppy bob e saiba como utilizar

Saúde

Especialista alerta sobre as doenças inflamatórias intestinais e a importância do diagnóstico precoce

Receitas

Se o seu bolo ficou seco demais, assou mais do que o esperado ou até ficou solado, pode ser possível reaproveitá-lo de alguma forma