Connect with us

O que você está procurando?

Facebook Twitter Instagram Youtube pinterest
Alto Astral
Bebida alcoólica atrapalha a atividade física? Especialista explica
A bebida alcoólica tem impacto na atividade física - Foto: Shutterstock

Estilo de Vida

Bebida alcoólica atrapalha a atividade física? Especialista explica

Segundo nutróloga, o consumo de bebida alcoólica pode interferir o rendimento do organismo nos treinos

Quem não gosta de curtir uma cervejinha ou vinhozinho no feriado ou fim de semana, não é mesmo? Mas, se você pratica exercícios físicos regularmente precisa ficar atenta ao consumo dessas bebidas. Isso porque a ingestão de álcool pode impactar diretamente o rendimento nos treinos

“O consumo de álcool e a realização de atividades físicas definitivamente não combinam. Basta beber um pouco a mais em um dia para perceber no dia seguinte, que algo não vai tão bem como de costume e, claro, isso prejudica também seu desempenho nos exercícios e os resultados”, afirma a nutróloga Marcella Garcez.

Por isso, se você pratica exercícios físicos para emagrecer ou definir os músculos, é melhor evitar o consumo de bebidas alcoólicas, pois o álcool pode afetar negativamente o desempenho muscular, diminuindo a força e aumentando a fadiga. Também pode interferir na síntese de proteínas e reduzir os níveis de testosterona, que é essencial para o fortalecimento muscular.

“Apesar de fazer parte das relações sociais há milhares de anos, o álcool não deve ser ingerido por praticantes de atividades físicas que almejam atingir resultados satisfatórios. Não existe um nível seguro para o consumo. É bom estar ciente dos prejuízos que o álcool traz à prática esportiva e saúde no geral”, complementa a especialista.

Desidrata o organismo 

O álcool também pode desidratar o organismo. “O álcool diminui a produção do hormônio antidiurético, responsável por regular a perda de água do organismo, sendo essa a causa de irmos tantas vezes ao banheiro quando consumimos a substância. Além disso, o etanol eleva a pressão arterial e aumenta a produção de suor, contribuindo ainda mais para o quadro de desidratação”, enfatiza Garcez.

Outro fator é que o consumo excessivo da substância reduz a capacidade do músculo em captar glicose, carboidrato utilizado como fonte de energia pelo organismo. “Com a adição do álcool, o fígado fica tão sobrecarregado em lidar com a substância que desliga a produção de glicose, acentuando ainda mais o déficit. Isso faz com que o corpo comece a usar a proteína como fonte de energia, prejudicando o desempenho das atividades físicas”, explica. 

Atrapalha a perda de peso

De acordo com a especialista, o que determina o emagrecimento é consumir menos calorias do que o corpo gasta. No entanto, o consumo de bebidas alcoólicas pode prejudicar a perda de peso, pois desacelera o metabolismo

“O fígado trabalha diariamente quebrando as gorduras da sua alimentação e eliminando as toxinas. Quando você bebe álcool acaba adicionando mais uma tarefa na função do órgão. Dessa forma, seu fígado não consegue processar a gordura de maneira tão rápida, pois estará, também, trabalhando para expelir o álcool, desacelerando o metabolismo”, finaliza a médica.

Mais notícias como essa

Horóscopo

Querendo saber de TUDO que os próximos sete dias prometem? Descubra agora, no Horóscopo Semanal do João Bidu

Saúde

Hidratação ocular e proteção da luz solar são fatores importantes para manter os olhos saudáveis

Estilo de Vida

Essas simpatias para renovação poderosas vão te ajudar a conseguir um novo emprego, amor, lar ou até novas energias

Beleza

Confira dicas valiosas para obter a máxima duração e projeção de seus perfumes favoritos