Connect with us

O que você está procurando?

Facebook Twitter Instagram Youtube pinterest
Alto Astral
Descubra se a comida de verdade enlatada é uma boa opção para o seu pet
Descubra se a comida de verdade enlatada é uma boa opção para o seu pet - Foto: Shutterstock

Pets

Alimentação: comida de verdade enlatada para pets é saudável?

O aumento da oferta de comida de verdade enlatada para cães e gatos em pet shops levanta a dúvida: será que esse produto é saudável para o animal?

Quem frequenta o pet shop já deve ter observado que é cada vez mais comum encontrar comida de verdade enlatada para cães e gatos. Porém, esses produtos muitas vezes geram dúvidas nos tutores, afinal, eles são bons para a saúde do pet?

Saiba a seguir a resposta para essa pergunta:

Comida de verdade enlatada para pets é saudável?

De acordo com Marina Tiba, médica-veterinária de uma empresa de produtos e serviços para pets, as opções de alimentação natural em lata são uma opção interessante para os animais.  “Esse tipo de alimento se trata de comida de verdade, pedaços de carne e vegetais provindos do consumo humano, cozidos e disponíveis para o animal, entregando uma dieta completa e balanceada. Ou seja, ele possui todos os nutrientes que o animal precisa unicamente nele, além de já ser suplementado”, diz a especialista em veterinária.

Esse é, segundo a profissional, um dos vários outros benefícios quando comparado com a ração seca convencional, por exemplo. Nesse sentido, os alimentos de verdade em lata podem garantir manter uma dieta saudável e balanceada para pets.

Principalmente agora, com a tecnologia ajudando no processo e possibilitando que sejam criados produtos em lata sem o uso de conservantes e com uma validade de mais de um ano.

E os patês?

Antes da “comida de verdade” enlatada para pets, outra opção de alimento em lata para animais — os patês — já existia e gerava muitas dúvidas. Porém, neste caso, Marina explica o uso deve ser apenas complementar na dieta do animal.

“Os famosos patês, pioneiros da comida em lata, em sua grande parte não funcionam como um alimento completo e que são apenas como um plus para adicionar à dieta do animal. Assim, não podem ser a única e exclusiva forma de alimentação do pet, afinal não são alimentos completos e balanceados”, explica.

Em outras palavras, os patês são como o tempero da comida e não a comida em si. Normalmente, eles são feitos de subprodutos da cadeia alimentar e, quando usados sem equilíbrio, podem levar ao sobrepeso animal.

Os patês devem ser usados apenas como complemento na dieta dos pets
Os patês devem ser usados apenas como complemento na dieta dos pets – Foto: Shutterstock

O “você é aquilo que você come” também vale para os pets

Você provavelmente já ouviu a frase “você é aquilo que você come”, não é mesmo? E essa ideia faz sentido, já que a alimentação é fator crucial para uma boa manutenção da saúde e a prevenção de diversas doenças.

Mas será que isso vale também para os cães e gatos? Segundo Marina, sim. “A alimentação dos animais também deve ter equilíbrio e conter nutrientes que ajudem na suplementação que cães e gatos precisam. Não faz nem sentido mais pensar somente em rações secas, já que, originariamente, em seus habitats naturais, animais consumiriam proteínas oriundas da caça, por exemplo”, diz a veterinária.

Fonte: Marina Tiba, médica-veterinária da Organnact.

Mais notícias como essa

Casa & Decor

Às vezes, mesmo com a faxina frequente, você pode estar cometendo outros erros que atraem a poeira para o seu lar

Receitas

Super saudável, a ora-pro-nóbis pode aparecer em chás e várias outras receitas; aprenda como consumir e absorver seus benefícios

Saúde

Endometriose é responsável por cerca de 30 a 50 % da infertilidade feminina; especialista explica os tipos de tratamento

Receitas

Com essas dicas, você vai saber como fazer um brigadeiro ainda mais delicioso, praticamente uma versão gourmet do doce