Connect with us

O que você está procurando?

Facebook Twitter Instagram Youtube pinterest
Alto Astral
O cordon bleu é uma ótima receita para deixar o almoço mais chique
O cordon bleu é uma ótima receita para deixar o almoço mais chique - Foto: Shutterstock

Receitas

Cordon Bleu: chef ensina 4 segredos para um preparo perfeito

Apesar do nome chique, o cordon bleu pode ser um receita bem prática de fazer com as dicas corretas de preparo; veja quais são

Nem todo prato com nome difícil requer um preparo complicado. Exemplo disso é o Cordon Bleu, um filé de carne bovina ou frango empanado recheado com presunto e queijo e frito em óleo bem quente. Aliás, essa é uma ótima pedida para seu almoço!

O nome do prato vem do francês e faz referência a uma honraria azul da França entregue à Ordem dos Cavaleiros do Espírito Santo. Para mandar bem na receita, o professor de gastronomia Diego Koppe listou quatro dicas infalíveis para fazer um Cordon Bleu delicioso em casa. Confira aqui quais são!

1. Feche o recheado com batidas na borda

Para rechear o filé de peito de frango com o presunto e o queijo, ele deve ser cortado com cuidado no meio. Depois de preencher o recheio, Diego Koppe recomenda fechar as pontas com batidas cuidadosas com martelo de cozinha. Dessa forma, a carne desenvolverá uma enzima que cola uma borda na outra. Assim, dispensa a necessidade de fechar com ajuda de palitos.

2. Empanado à inglesa

Na opinião do professor de gastronomia, o ideal é temperar o ovo do empanado em vez do frango, já que o sal é hidropônico e faz a proteína soltar água. Ele indica uma técnica chamada “à inglesa”, com uma mistura de ovo, mostarda, sal e pimenta.

“Sugiro pegar o peito de frango sem tempero, passar pela farinha de trigo, pela mistura do ovo temperada e, em seguida, na farinha de rosca ou panko, ou uma mistura delas”, recomenda Diego.

3. Deixe descansar na geladeira

Para garantir que o empanado fique grudado no peito de frango na hora de fritar, a dica de Koppe é apertar bem o Cordon Bleu e deixá-lo descansar por pelo menos 1 hora na geladeira antes da fritura.

4. Se congelar, frite em óleo com baixa temperatura

Após empanado, o Cordon Bleu pode ir direto para o freezer para ser servido em uma ocasião posterior. Do freezer, é possível levar ele direto para a fritadeira quando quiser, mas Koppe tem uma sugestão que fará toda a diferença.

“Você precisa descongelar e cozinhar o peito de frango, então vai ter que diminuir um pouco a temperatura da fritadeira, entre 160 °C e 170 °C. Normalmente, a fritura seria entre 180 °C e 190 °C”, assegura o chef.

Mais notícias como essa

Saúde

Tratamentos estéticos para tratar manchas e pintas escuras podem acelerar quadro de câncer de pele

Estilo de Vida

Existem várias dicas que você pode seguir para lidar com o seu karma e equilibrá-lo; descubra quais são elas

Receitas

Apesar de a batata ser vista injustamente como um “alimento que engorda”, ela pode sim ser incorporada em uma dieta saudável

Pets

Veterinária explica as razões que levam a esse comportamento e como ajudar o pet a se sentir confortável em casa