Connect with us

O que você está procurando?

Facebook Twitter Instagram Youtube pinterest
Alto Astral
Entenda os benefícios do damasco
Entenda os benefícios do damasco - Shutterstock

Receitas

Damasco: benefícios da fruta queridinha do Natal

O damasco seco é bastante típico do período natalino; saiba as vantagens da fruta e as diversas formas de consumir

Se você pensar nas frutas secas mais tradicionais do Natal, provavelmente uma das primeiras que vêm à mente é o damasco. Essa fruta, às vezes confundida com o pêssego, é um pouco mais ácida e menor.

Cheio de nutrientes, o damasco é rico em ácido elágico, betacaroteno, ferro, licopeno, pectina e potássio, entre outros. A sua versão desidratada, mais comum nas festas, tem isso tudo ainda mais concentrado – todavia, ela também conta com mais calorias, sendo necessária moderação.

Quer entender mais detalhadamente os benefícios dessa frutinha do Natal e como usá-la nas suas receitas? Veja a seguir:

Benefícios do damasco

  • Previne o câncer: Por conter a vitamina B17 em suas sementes, estudos acreditam que o damasco possa ajudar a combater o câncer, matando células afetadas. Os antioxidantes da fruta protegem ainda o organismo dos radicais livres e de seus danos.
  • Tem ação antioxidante: Ele é uma ótima fonte de vitamina C e vitamina A, fornecendo até 20% das necessidades diárias por porção.
  • Ajuda na saúde do coração: O beta-caroteno presente no damasco pode prevenir doenças cardiovasculares. Além de desintoxicar o sangue, ele ajuda a evitar a oxidação do colesterol LDL.
  • Melhora a digestão: Por seu alto teor de fibras, o damasco é muito benéfico para o cólon e para o sistema digestivo como um todo.
  • Auxilia na saúde dos olhos: Comer três ou mais porções de frutas por dia é uma dica de ouro para prevenir doenças oculares relacionadas à idade, e o damasco também entra nisso.
  • Bom para o sangue: Contribui para a formação da hemoglobina e até impede a anemia.

Dicas para consumir

O damasco é uma recomendação especialmente como lanche intermediário, entre o almoço e a janta, por exemplo. Quando desidratado, ele muitas vezes entra em mixes com sementes e oleaginosas, que tornam a refeição ainda mais equilibrada. Seu uso é comum também como ingrediente para sorvetes, cremes e recheios.

Sem contar a versão seca, o damasco é bastante ingerido fresco, cozido e em conserva. Essas diferentes formas servem para preparar receitas diversas, como geleias, tortas e mesmo molhos para pratos salgados, no caso de quem adora um gostinho agridoce. As sementes não são desperdiçadas, já que podem ser ingrediente para óleos.

Na ceia, entre os pratos possíveis com a fruta estão o panetone, a farofa e o arroz de damasco. O ingrediente ainda é decoração para várias sobremesas.

Em relação à quantidade ideal de consumo, não há uma regra específica para o damasco. Todavia, o certo é ingerir duas a três porções (160 a 240g) de frutas no geral diariamente.

Mais notícias como essa

Horóscopo

Querendo saber de TUDO que os próximos sete dias prometem? Descubra agora, no Horóscopo Semanal do João Bidu

Beleza

O batom vermelho é um dos que ficam mais aparentes quando você borra na hora de passar, mas tem como usar ele sem esse...

Estilo de Vida

Alguns salmos poderosos podem te ajudar a ter mais dinheiro e prosperidade na vida; conheça alguns e ponha as orações em prática

Pets

Será que o condomínio tem o poder de impedir que haja cachorros em seus apartamentos? Tire essas e outras dúvidas