Connect with us

O que você está procurando?

Facebook Twitter Instagram Youtube pinterest
Alto Astral
Veja essas curiosidades sobre a pipoca
Veja essas curiosidades sobre a pipoca - Shutterstock

Receitas

Você sabia? 7 curiosidades sobre a pipoca

Conheça fatos interessantes e curiosidades sobre a pipoca, esse alimento tão amado por todos na hora de um cineminha

Quem não adora uma boa pipoca no cinema ou enquanto assiste a um filme em casa, não é mesmo? Esse alimento agrada quase todos os paladares, seja em sua versão com sal, manteiga, açúcar, caramelo, chocolate em pó ou qualquer outra.

Porém, você sabe por que o alimento estoura? De onde surgiu seu nome? Se é bom ou ruim para a saúde? São vários os fatos bem interessantes sobre ele que muita gente desconhece.

A seguir, confira 7 curiosidades sobre a pipoca:

Por que a pipoca estoura?

Uma das curiosidades mais interessantes e mais procuradas sobre a pipoca é justamente o porquê de ela estourar. Os astecas, que já consumiam esse alimento, acreditavam que era porque existiam espíritos dentro da casca do milho, porém hoje já se sabe a explicação científica para esse fenômeno.

O que acontece é que os grãos de milho têm bastante água. Quando esquentados, esse líquido todo evapora e, por isso, ocorre o estouro da casca, transformando o milho em uma massa de amido e fibras.

O nome “pipoca”

A palavra “pipoca” vem do tupi e quer dizer algo como “milho arrebentado”. Faz sentido, né?

Origem desconhecida

Até hoje, não se sabe exatamente a origem da pipoca. O que já é de conhecimento dos pesquisadores é que povos indígenas do norte do continente americano já a consumiam antes da chegada de Colombo. Naquela época, uma das formas mais comuns de preparar a pipoca era colocando um espeto com a espiga de milho inteira no fogo.

Popularidade durante a Grande Depressão

Outra entre as curiosidades interessantes sobre a pipoca é que ela ficou bem popular nos Estados Unidos durante o período conhecido como a Grande Depressão, iniciado em 1929. Um dos motivos para isso é o preço acessível do alimento para a população mais pobre.

O tipo certo de milho

Você sabia que existe um tipo de milho específico para pipoca? Isso mesmo! Ele nasce em plantas menores e mais frágeis e têm uma maior capacidade de expansão. Isso torna o estouro mais fácil e a pipoca mais macia do que se fosse feita com milho comum.

Cerimônias com a pipoca

Os povos indígenas astecas faziam várias cerimônias usando a pipoca. Havia uma, por exemplo, na qual mulheres dançavam usando coroas feitas com o alimento.

Boa para a saúde

Pode não parecer, contudo a pipoca é sim boa para a saúde. Ela contribui para uma boa digestão, é fonte de potássio e vitaminas do complexo B, auxilia no controle do colesterol, entre outros benefícios. O único problema é o excesso de sal, manteiga e outros ingredientes colocados nela. Ou seja, maneire nesses adicionais e aproveite uma pipoca bem mais saudável!

Mais notícias como essa

Saúde

Saiba quanto tempo antes de dormir você deve parar de beber café e qual é a quantidade máxima de cafeína recomendada para não perder...

Beleza

Procedimento proporciona mais sustentação à mama e à prótese de silicone em mamoplastias e mastopexias; especialista explica

Amor e Sexo

Estudo realizado por aplicativo de relacionamento apontou a opinião de homens e mulheres sobre as camisas de time de futebol no date

Estilo de Vida

Está em busca de um amor para chamar de seu? Siga essas simpatias com batatas para conseguir o seu objetivo