Connect with us

O que você está procurando?

Facebook Twitter Instagram Youtube pinterest
Alto Astral
Sintomas de infarto em mulheres podem ser diferentes dos em homens
Sintomas de infarto em mulheres podem ser diferentes dos em homens - Shutterstock

Saúde

Fique sabendo! 7 sintomas de infarto em mulheres para observar

A morte de mulheres por infarto aumento muito em alguns anos recentemente, então é importante conhecer os sinais

A morte por infarto de mulheres no Brasil aumentou nos últimos anos – 62% de 1990 para 2019. Também chamado de ataque cardíaco, essa condição ocorre quando há a interrupção do fluxo de sangue para o coração, levando à morte de células do músculo cardíaco e podendo causar danos permanentes ao órgão.

O problema é uma emergência e pode ser fatal, então é essencial reconhecê-lo rapidamente e buscar auxílio médico. Para isso, o primeiro passo é saber quais são os sintomas de infarto.

Porém, muitas vezes, as mulheres não têm essa informação, até porque os sinais no gênero feminino podem ser um pouco diferentes daqueles que aparecem nos homens. Veja a seguir alguns dos sintomas de infarto em mulheres:

Fadiga incomum

Um dos sintomas de infarto mais comuns em mulheres é um cansaço ou exaustão que continua mesmo após repouso ou sono. Esse sinal pode surgir semanas ou mesmo meses antes do infarto, ou durante a condição e é mais comum ainda nas que sofrem com diabetes.

Palpitações

As palpitações são descritas como uma sensação de batimento cardíaco rápido, forte ou irregular, que pode ser sentida no peito, na garganta ou no pescoço. Elas podem ocorrer como resultado de um aumento da atividade elétrica do coração durante um infarto.

Pele ardendo

Esse sintoma é como uma sensação de queimação, formigamento ou dormência na pele que pode ser em qualquer parte do corpo. A sensação de pele ardendo também ocorre por conta do aumento da atividade elétrica do coração.

Falta de ar

Mais frequente em mulheres idosas, esse sintoma vem como uma sensação de aperto no peito ou sufocamento, ou dificuldade para respirar. Isso acontece porque o coração não recebe oxigênio o suficiente, por conta da obstrução das artérias coronárias, e o pulmão acaba tendo que trabalhar mais.

Enjoo e mal-estar

Devido à redução ou interrupção do fluxo sanguíneo para o coração, a náusea pode ocorrer durante um ataque cardíaco.

Garganta com desconforto

Quem tem um infarto também pode sentir um aperto, queimação, formigamento ou pressão na região da garganta. Afinal, os nervos do coração e essa área estão ligados.

Dores no corpo

Dor ou rigidez nos músculos, nas articulações ou no corpo no geral são sinais de infarto. O motivo para isso é que, com a falta de oxigênio no coração, são liberadas substâncias inflamatórias no corpo.

Quais são os fatores de risco para infarto em mulheres?

Agora que você já sabe os principais sintomas de infarto em mulheres, é importante entender os seus fatores de risco. Até porque alguns deles podem ser modificados com alterações nos hábitos e na alimentação, por exemplo.

Os fatores de risco para infarto no gênero feminino são: idade (acima de 55 anos), histórico familiar, pressão arterial, diabetes, obesidade, sedentarismo, tabagismo, colesterol alto e estresse.

Mais notícias como essa

Estilo de Vida

Especialista ensina como aplicar a neurociência no seu dia a dia para aumentar a sua disposição e melhorar a sua produtividade

Receitas

Nada mais decepcionante do que fazer um bolo e ele murchar, não é mesmo? Descubra como não passar mais por isso

Receitas

Fazer uma tapioca deliciosa como aquelas de café da manhã de hotel é possível; basta saber de alguns truques especiais

Beleza

Tendência tenta imitar a aparência das bochechas à luz do entardecer; veja passo a passo para usar a maquiagem