Connect with us

O que você está procurando?

Facebook Twitter Instagram Youtube pinterest
Alto Astral
Outono pode causar secura nos olhos ou problemas nas pálpebras
Outono pode causar secura nos olhos ou problemas nas pálpebras - Foto: Shutterstock

Saúde

Outono pede por mais cuidado com a saúde dos olhos; entenda

Ar seco da estação aumenta a síndrome do olho seco e pode causar terçol e calázio; saiba mais sobre esses problemas do outono

Mal começou o outono e já dá para sentir nos olhos a diminuição da umidade do ar e uma maior concentração da poluição típica do outono, não é mesmo? Essas características desta época do ano são tão ruins para os olhos que podem até fazer com que surjam certos problemas e doenças na área.

Dois dos principais problemas comuns no outono são a síndrome do olho seco e as doenças nas pálpebras, como terçol e calázio. Então para cuidar bem dos olhos durante a estação, é importante saber mais sobre essas condições, seus sintomas e como se prevenir e/ou tratar.

Para isso, veja a seguir as informações trazidas pelo presidente do Instituto Penido Burnier de Campinas, o oftalmologista Leôncio Queiroz Neto.

Síndrome do olho seco

De acordo com o oftalmologista, a primeira reação dos olhos às alterações climáticas é o ressecamento da lágrima, que atinge 12% da população e causa o olho seco. Esse problema atinge mais mulheres porque a menopausa reduz a produção dos estrogênios e da camada oleosa da lágrima. Outros grupos de risco são os usuários de lente de contato e quem passa muitas horas no computador.

O oftalmologista explica que a lágrima é responsável pela proteção, oxigenação, umedecimento, limpeza da superfície ocular e manutenção de transparência da córnea, lente externa essencial à boa visão.  Por isso, manter os olhos lubrificados evita cicatrizes e é essencial para enxergar bem.

Sintomas

Os sintomas do olho seco elencados pelo oftalmologista são: olhos secos, visão embaçada, coceira, queimação, lacrimejamento excessivo, sensibilidade à luz, fadiga visual no celular ou computador e olhos vermelhos e irritados que podem melhorar com o piscar.

Diagnóstico e tratamentos

Queiroz Neto ressalta que no consultório o diagnóstico do olho seco é totalmente automatizado. As imagens do filme lacrimal permitem ao paciente visualizar a recuperação da lágrima e, por isso, incentivam a adesão ao tratamento, salienta o oftalmologista.

Segundo ele, o tratamento depende do tipo e estágio da alteração. Pode ser feito com uso de colírio lubrificante que varia de acordo com a deficiência diagnosticada ou oclusão de pontos lacrimais, por exemplo.

Prevenção

Para prevenir o olho seco, o oftalmologista indica a inclusão na dieta de nozes e peixes gordos, como bacalhau, salmão e sardinha. Além disso, recomenda a suplementação com ômega 3 encontrado na cápsulas de semente de linhaça, que também protege a retina da ação de radicais livres que acarretam sua degeneração.

Terçol e calázio

Queiroz Neto ressalta que no Brasil o outono é marcado por calor durante o dia, o que facilita a formação de uma bolinhas dolorida ou inflamações na pálpebra, conhecidas como calázio e terçol. Ambos têm sintomas parecidos, como olhos inchados, ferida incômoda na pálpebra, vermelhidão, sensibilidade à luz e dor ao movimentar o globo ocular, mas a diferença é que o calázio não é causado por uma bactéria, mas sim por um processo inflamatório que causa a obstrução do canal de saída de uma glândula sebácea.

Tratamento

Queiroz Neto diz que, ao primeiro sinal de terçol ou calázio, deve-se aplicar no olho, quatro vezes ao dia, compressas mornas durante 15 minutos, feitas com gaze e soro fisiológico. Geralmente, segundo ele, o terçol desaparece espontaneamente – caso isso não aconteça, não deixe de consultar um oftalmologista para indicação de um colírio antibiótico. O calázio, por sua vez, pode necessitar de cirurgia, porque forma um granuloma e pode atrapalhar a visão.

Prevenção

As principais recomendações do médico para evitar doenças nas pálpebras são:

  • Lave as pálpebras e base dos cílios com xampu infantil de PH neutro
  • Retire toda a maquiagem dos olhos antes de dormir
  • Evite maquiar a borda interna das pálpebras
  • Descarte as maquiagens vencidas
  • Não compartilhe maquiagem e outros cosméticos
  • Faça um exame de refração em caso de recidivas de calázio

Mais notícias como essa

Horóscopo

Querendo saber de TUDO que os próximos sete dias prometem? Descubra agora, no Horóscopo Semanal do João Bidu

Receitas

Os benefícios da beterraba para a saúde são vários; descubra alguns deles e como consumir esse alimento da melhor forma

Beleza

Transformações hormonais e emocionais no puerpério pode resultar em perda de cabelo para muitas mulheres

Saúde

De acordo com estudos recentes, apenas 4% a 9% das mulheres negras recebem diagnóstico de endometriose