Connect with us

O que você está procurando?

Facebook Twitter Instagram Youtube pinterest
Alto Astral
Saiba quais alimentos devem ou não ser deixados na geladeira
Saiba quais alimentos devem ou não ser deixados na geladeira - Foto: Shutterstock

Saúde

Saiba quais alimentos você deve (ou não) refrigerar ou congelar

Alguns alimentos podem até estragar se não forem armazenados da forma correta; saiba o que fica dentro ou fora da geladeira

Ao comprar um alimento é preciso ter o maior cuidado para não estragar rápido, não é mesmo? Mas para que isso não ocorra, é preciso saber armazenar esses itens corretamente. Alguns alimentos, por exemplo, precisam ser refrigerados ou congelados, enquanto outros não devem ser colocados na geladeira.

Ainda assim, vale pensar: será que meus hábitos de armazenamento estão corretos? Veja a seguir quais alimentos devem ser refrigerados e quais não podem ser congelados:

Quais alimentos devem ser refrigerados?

Geralmente, os alimentos que são perecíveis, já que têm maior proliferação de bactérias em temperatura ambiente, precisam ser refrigerados para não estragarem. O leite e seus derivados, os ovos e as carnes, por exemplo, são assim.

No caso de verduras, frutas e legumes, já depende das características de cada uma delas. Em alguns casos, os itens não precisam de refrigeração, porém podem ir para a geladeira em alguns casos. “Por exemplo, uma manga ou um pêssego devem ficar apenas em local fresco e arejado. Porém, se já estiverem maduros e a intenção é guardar por mais alguns dias, podem ser levados para a geladeira para durarem um pouco mais”, explica a coordenadora de nutrição e dietética Cintya Bassi.

Já a cebola não deve ir para a geladeira, pois isso pode tirar a sua crocância.

E quais alimentos não devem ser congelados?

Segundo Cintya, existem certos alimentos que não devem ser congelados, já que podem murchar ou perder o sabor ao serem retirados da geladeira para o consumo.

“Alguns alimentos não devem ser congelados, como o repolho, a escarola, o agrião e a alface, porque eles já têm uma composição muito grande de água. Por isso, ao reverter o processo de descongelamento, teremos um alimento murcho e sem sabor”, explica a especialista.  

Cintya diz ainda que ovos cozidos ou omeletes também não devem ser congelados. Caso contrário, sua textura pode mudar e os alimentos vão ficar borrachudos. Esse também é o caso dos queijos e iogurtes.

Além disso, alimentos já temperados precisam de cuidados extras para serem congelados. É preciso reduzir a quantidade de tempero, já que, ao congelarem, eles vão ter o seu sabor acentuado. Por fim, há também algumas dicas gerais para o momento de congelar os alimentos:

  • Higienize os alimentos e recipientes antes;
  • Não congele alimentos cozidos enquanto estiverem quentes;
  • Ao tirar o alimento do congelador, coloque-o um pouco na geladeira, ao invés de tirá-lo diretamente para o ambiente.

Fonte: Cintya Bassi,coordenadora de nutrição e dietética do São Cristóvão Saúde; e Saúde em Dia.

Mais notícias como essa

Receitas

Rico em vitaminas, minerais e fibras, inhame ajuda a reduzir o colesterol, auxilia no controle das cãibras e melhora a saúde intestinal

Estilo de Vida

Se você tem sentido a falsidade das pessoas ao seu redor te afetando, experimente esses rituais poderosos contra isso

Amor e Sexo

Urinar após o sexo, evitar preservativos com aromas e outras práticas podem ajudar no combate à doenças e desconfortos

Moda

O inverno já chegou e é a hora de usar aqueles casacos e jaquetas lindos; veja quais são as tendências da moda inverno neste...