Connect with us

O que você está procurando?

Facebook Twitter Instagram Youtube pinterest
Alto Astral
Saiba como evitar problemas ginecológicos durante o verão
Saiba como evitar problemas ginecológicos durante o verão - Foto: Shutterstock

Saúde

Saúde íntima: 6 dicas para evitar problemas ginecológicos no verão

Especialista explica como as mulheres podem se prevenir de alguns dos problemas ginecológicos mais comuns do verão

O verão é um período em que a atenção com o organismo deve ser redobrada, afinal, os dias quentes e o sol intenso podem provocar uma série de problemas à saúde, incluindo o da região íntima. 

Isso porque, no verão, alguns problemas ginecológicos costumam aparecer e prejudicar a saúde feminina. Por isso, o ginecologista e obstetra Domingos Mantelli, aponta alguns cuidados que as mulheres devem ter durante a estação. 

“Ficar com o biquíni molhado ou até mesmo usar roupas sintéticas podem fazer com que os corrimentos se tornem mais recorrentes nessa época do ano”, alerta o médico.

Segundo o especialista, é fundamental manter uma higienização adequada e evitar a umidade prolongada na região da vagina. “Trocar os biquínis úmidos por secos, apostar em roupas mais leves e ventiladas como saias e vestidos e, principalmente, buscar orientação médica sempre que notar algo errado”, adverte.

Dentre os problemas ginecológicos que surgem mais no verão, o ginecologista destaca a candidíase, a tricomoníase e a vaginose. Para evitá-las, ele sugere 6 dicas práticas que podem minimizar os riscos de desenvolver tais doenças:

Não use roupas apertadas

Evite usar calças apertadas. Prefira utilizar vestidos e saias, além de calcinhas de algodão.

Apare os pelos pubianos

Sempre apare os pelos pubianos! Isso não só facilita a higienização, como também reduz os odores e a umidade local que favorece fungos, bactérias e vírus. 

Não use sabonete comum

Não utilize sabonete comum na higiene íntima e, após a lavagem externa, use uma toalha higiênica. O uso regular e descuidado do papel higiênico pode causar irritação local. 

Higienize a vagina corretamente

Faça sempre uma higiene íntima após o ato sexual, ao urinar e ao evacuar, com sabonete neutro ou íntimo. Além disso, lembre-se de trocar o absorvente durante a menstruação. 

Atenção ao lavar a roupa íntima

Lave as roupas íntimas com água e sabão e seque-as ao sol. Não seque peças íntimas em ambientes fechados e úmidos como banheiros.

Não compartilhe peças íntimas

Jamais compartilhe seus objetos íntimos, como sabonetes, peças íntimas e toalhas, por exemplo. Você pode contrair infecções e outras doenças através delas.

Fonte: Dr. Domingos Mantelli, ginecologista e obstetra.

Mais notícias como essa

Saúde

Uvas, azeitonas, nozes, sementes e pipoca são alguns dos alimentos que possuem maior risco de provocar engasgo em pessoas acima dos 60 anos

Beleza

Cuidados simples no dia a dia ajudam a manter os cabelos loiros hidratados e com muito brilho

Receitas

Está com medo de fazer feijoada demais ou de menos para o almoço em família? Confira dicas para acertar nisso e no sabor do...

Comportamento

Quer saber a importância de bons amigos na infância e como ajudar seu filho a conquistar isso? Especialista explica