Connect with us

O que você está procurando?

Facebook Twitter Instagram Youtube pinterest
Alto Astral
Saiba como evitar problemas ginecológicos durante o verão
Saiba como evitar problemas ginecológicos durante o verão - Foto: Shutterstock

Saúde

Saúde íntima: 6 dicas para evitar problemas ginecológicos no verão

Especialista explica como as mulheres podem se prevenir de alguns dos problemas ginecológicos mais comuns do verão

O verão é um período em que a atenção com o organismo deve ser redobrada, afinal, os dias quentes e o sol intenso podem provocar uma série de problemas à saúde, incluindo o da região íntima. 

Isso porque, no verão, alguns problemas ginecológicos costumam aparecer e prejudicar a saúde feminina. Por isso, o ginecologista e obstetra Domingos Mantelli, aponta alguns cuidados que as mulheres devem ter durante a estação. 

“Ficar com o biquíni molhado ou até mesmo usar roupas sintéticas podem fazer com que os corrimentos se tornem mais recorrentes nessa época do ano”, alerta o médico.

Segundo o especialista, é fundamental manter uma higienização adequada e evitar a umidade prolongada na região da vagina. “Trocar os biquínis úmidos por secos, apostar em roupas mais leves e ventiladas como saias e vestidos e, principalmente, buscar orientação médica sempre que notar algo errado”, adverte.

Dentre os problemas ginecológicos que surgem mais no verão, o ginecologista destaca a candidíase, a tricomoníase e a vaginose. Para evitá-las, ele sugere 6 dicas práticas que podem minimizar os riscos de desenvolver tais doenças:

Não use roupas apertadas

Evite usar calças apertadas. Prefira utilizar vestidos e saias, além de calcinhas de algodão.

Apare os pelos pubianos

Sempre apare os pelos pubianos! Isso não só facilita a higienização, como também reduz os odores e a umidade local que favorece fungos, bactérias e vírus. 

Não use sabonete comum

Não utilize sabonete comum na higiene íntima e, após a lavagem externa, use uma toalha higiênica. O uso regular e descuidado do papel higiênico pode causar irritação local. 

Higienize a vagina corretamente

Faça sempre uma higiene íntima após o ato sexual, ao urinar e ao evacuar, com sabonete neutro ou íntimo. Além disso, lembre-se de trocar o absorvente durante a menstruação. 

Atenção ao lavar a roupa íntima

Lave as roupas íntimas com água e sabão e seque-as ao sol. Não seque peças íntimas em ambientes fechados e úmidos como banheiros.

Não compartilhe peças íntimas

Jamais compartilhe seus objetos íntimos, como sabonetes, peças íntimas e toalhas, por exemplo. Você pode contrair infecções e outras doenças através delas.

Fonte: Dr. Domingos Mantelli, ginecologista e obstetra.

Mais notícias como essa

Saúde

Cobertores, casacos e blusas mal higienizadas podem provocar crises de rinite e outras alergias respiratórias

Amor e Sexo

Levantamento realizado pelo aplicativo de relacionamentos happn apontou as regiões do Brasil onde as pessoas dão os melhores beijos

Receitas

Ama um café coado quentinho de manhã? Então descubra como deixá-lo ainda mais perfeito com essas dicas simples

Comportamento

Psicanalista analisa estupro matrimonial exposto no “Casamento às Cegas” e explica os sinais desse tipo de violência dentro do relacionamento