Connect with us

O que você está procurando?

Facebook Twitter Instagram Youtube pinterest
Alto Astral
Ficar com o biquíni molhado durante muito tempo pode trazer riscos à saúde íntima feminina, favorecendo o surgimento de infecções e irritações
Biquíni molhado pode prejudicar a saúde íntima feminina - Foto: Shutterstock

Saúde

Saúde íntima no verão: veja os cuidados para prevenir infecções

Usar o biquíni molhado durante muito tempo pode trazer riscos à saúde íntima feminina, favorecendo o surgimento de infecções e irritações

O verão é a época preferida de muitas pessoas para viajar e aproveitar para curtir praias, piscinas e cachoeiras. No entanto, a exposição ao calor e a umidade podem desencadear várias doenças na região íntima. 

Uma das infecções mais frequentes é a candidíase vaginal, causada pela proliferação excessiva de fungos do gênero Candida, que normalmente existem na flora vaginal em pequenas quantidades.

A condição é caracterizada por uma série de sintomas incômodos que prejudicam a qualidade de vida da mulher. Entre os principais sintomas estão coceira e vermelhidão na região da vagina, corrimento branco e espesso e ardência ao urinar.

O ginecologista obstetra Dr. César Patez, especialista em endometriose e cirurgia íntima feminina, explica que a exposição ao sol e a água salgada podem afetar a saúde íntima devido à sensibilidade da pele nessa região. 

“O contato prolongado com a água salgada pode desequilibrar o pH vaginal, contribuindo para infecções genitais. Enquanto o cloro presente na água das piscinas pode causar ressecamento da pele íntima, deixando-a mais sensível”, esclarece. 

Além das condições ambientais, a candidíase pode ser provocada por altos níveis de estresse, queda de imunidade e uso de medicamentos, como anticoncepcionais e antibióticos. 

Então, o que fazer?

Para ajudar na saúde íntima ao curtir a praia e/ou piscina, o Dr. César Patez recomenda o uso de roupas leves e de algodão, pois permitem a ventilação adequada da região íntima. Além disso, a troca frequente de roupas de banho úmidas por peças secas é fundamental para evitar a proliferação de fungos e bactérias.

“Ressalto a importância de manter uma higiene adequada, evitando o uso de sabonetes perfumados ou duchas íntimas, que podem causar irritações e desequilíbrios na flora vaginal. A utilização de protetores íntimos de algodão pode ajudar a absorver a umidade e manter a região íntima seca e saudável”, finaliza o médico.

Mais notícias como essa

Saúde

Cobertores, casacos e blusas mal higienizadas podem provocar crises de rinite e outras alergias respiratórias

Amor e Sexo

Levantamento realizado pelo aplicativo de relacionamentos happn apontou as regiões do Brasil onde as pessoas dão os melhores beijos

Receitas

Ama um café coado quentinho de manhã? Então descubra como deixá-lo ainda mais perfeito com essas dicas simples

Comportamento

Psicanalista analisa estupro matrimonial exposto no “Casamento às Cegas” e explica os sinais desse tipo de violência dentro do relacionamento