Connect with us

O que você está procurando?

Facebook Twitter Instagram Youtube pinterest
Alto Astral
A felicidade do seu gato depende de alguns fatores importantes
A felicidade do seu gato depende de alguns fatores importantes - Shutterstock

Pets

4 fatores que podem estar atrapalhando a felicidade do seu gato

Veterinária elenca o que pode influenciar negativamente o bem-estar dos felinos; confira

Para um tutor de gato, a felicidade do bichano é quase tão importante quanto a sua, não é mesmo? Afinal, realmente amamos esses bichinhos! No entanto, é justamente por não verbalizarem que fica difícil saber se eles estão enfrentando algo que podem deixá-los tristes ou desanimados.

Em alguns casos, dependendo da raça, o gato pode apenas ser um pouco menos ativo. Porém, se o seu felino parece mais desanimado que o normal, é necessário investigar para que ele tenha sempre o máximo de bem-estar e felicidade possíveis!

Para ajudar, a médica-veterinária Priscila Rizelo trouxe 4 fatores que podem estar atrapalhando a felicidade do seu gato e, por isso, merecem toda a sua atenção!

Falta de check-ups

Mesmo quando não há alteração em seu comportamento, urina e fezes, nem sinal de dor ou incômodo, o recomendado é que o gatos visitem o veterinário anualmente, enquanto os pets idosos devem visitar com mais frequência. Não seguir essa orientação pode fazer com que doenças ou condições menos aparentes passem despercebidas. Portanto, é bom ficar de olho!

Lambidas excessivas ignoradas

Tutores de gato sabem que esses pets não precisam tomar banho com frequência, já que eles praticam a autolimpeza por meio das lambidas. No entanto, é importante estar atento para perceber se essas lambidas não estão sendo excessivas.

De acordo com Priscila, as pulgas e carrapatos podem incomodar o bichano, então esses parasitas costumam causar lambidas mais frequentes que o comum.

Cardápio inadequado

A alimentação correta influencia diretamente na felicidade dos gatos. Até porque, isso pode trazer não apenas o sobrepeso, como também doenças de pele, cardiovasculares e renais. “Os gatos precisam de uma mistura complexa de nutrientes certos, então a escolha da ração é fundamental, adaptando os alimentos conforme a idade do pet”, explica a veterinária.

Priscila recomenda comidas de fácil mastigação para filhotes e idosos, enquanto pets castrados precisam de uma alimentação específica para ajudar na regulagem do peso. Já aqueles que não tomam água podem necessitar de rações úmidas.

Pouca diversão

Se mexer bastante também é fundamental para a felicidade dos felinos. Por isso, eles precisam de espaços e brinquedos para pular, saltar e brincar à vontade. Só não se esqueça de manter as redes de proteção da sua casa em dia, para que isso possa ser feito de forma segura, viu?

No caso dos gatos mais idosos, eles já não devem pular de grandes alturas e sua energia fica menor. Nesse sentido, é preciso atenção para deixar os brinquedos e outras coisas que o gato use no dia a dia em locais de fácil alcance.

Mais notícias como essa

Saúde

Cobertores, casacos e blusas mal higienizadas podem provocar crises de rinite e outras alergias respiratórias

Amor e Sexo

Levantamento realizado pelo aplicativo de relacionamentos happn apontou as regiões do Brasil onde as pessoas dão os melhores beijos

Receitas

Ama um café coado quentinho de manhã? Então descubra como deixá-lo ainda mais perfeito com essas dicas simples

Comportamento

Psicanalista analisa estupro matrimonial exposto no “Casamento às Cegas” e explica os sinais desse tipo de violência dentro do relacionamento