Connect with us

O que você está procurando?

Facebook Twitter Instagram Youtube pinterest
Alto Astral
Veja os mais essenciais cuidados com os rins dos pets
Veja os mais essenciais cuidados com os rins dos pets - Shutterstock

Pets

Março amarelo: a importância dos cuidados com os rins dos pets

Os rins dos pets, assim como os dos humanos, também precisam de cuidados; saiba como ter a atenção correta com eles

Os rins são responsáveis por filtrar resíduos e toxinas do sangue, regular os níveis de fluidos e eletrólitos e produzir hormônios essenciais para o equilíbrio do corpo. Com essa descrição, dá para perceber que eles são órgãos muito importantes para o organismo, seja dos seres humanos ou dos pets.

O que muitos esquecem é que, assim como as pessoas, os cães e gatos podem ter condições médicas que impeçam seus rins de funcionarem corretamente. Essas doenças podem ser muito sérias e devem ser diagnosticadas o quanto antes.

Por isso, a campanha Março Amarelo conscientiza tutures sobre esse assunto. “Qualquer disfunção renal pode levar ao surgimento de uma série de problemas de saúde nos animais, incluindo desequilíbrios eletrolíticos, pressão arterial alta, anemia, comprometimento do sistema imunológico e até mesmo insuficiência renal, uma condição grave e potencialmente fatal se não for tratada adequadamente”, alerta a médica-veterinária Marina Tiba.

Ela, que é gerente de produtos da Unidade Pet da Ceva Saúde Animal, explica que os cuidados com a prevenção são essenciais, especialmente porque as doenças nos rins dos pets podem ser silenciosas. Ou seja, muitas vezes, se não houver muita atenção, elas podem ser descobertas apenas quando estiverem mais sérias.

A profissional listou cuidados com os rins dos pets que os tutores não podem esquecer de jeito nenhum:

Dieta balanceada

Um dos principais aspectos do cuidado renal é o fornecimento de uma dieta balanceada e de boa qualidade. Para isso, consulte um especialista que possa te ajudar a entender a dieta correta para o seu bichinho.

Ademais, é essencial garantir que os pets tenham acesso constante à água fresca e limpa. A hidratação adequada é fundamental para o funcionamento saudável dos rins.

Consultas de rotina

O cuidado com os rins dos pets também tem a ver com consultas e exames de rotina que possam descobrir qualquer problema precocemente. Alguns dos testes mais pedidos pelos veterinários são os exames de urina, de sangue e de imagem.

Ao encontrar doenças ainda no início, há mais chance de os tratamentos funcionarem e o cão ou gato ter uma maior saúde e bem-estar.

Atenção aos sinais de alerta

As consultas com o veterinário precisarem acontecer de tempos em tempos, mesmo sem nenhum problema perceptível. Apesar disso, é fundamental conhecer os sinais de problemas nos rins. Dessa forma, se o pet os apresentar, você poderá se apressar em levá-lo ao médico.

Os sintomas que devem chamar a atenção incluem aumento da sede e micção, perda de apetite, letargia, vômitos, perda de peso e alterações na qualidade ou quantidade de urina produzida. Se algum desses sinais surgir, é essencial procurar orientação veterinária imediatamente.

Mais notícias como essa

Receitas

Alimentos termogênicos aumentam a temperatura corporal, acelerando o metabolismo e promovendo a queima de gordura

Saúde

Se não forem tratadas adequadamente, as varizes podem causar desconforto e provocar complicações mais graves

Receitas

Além de deliciosa para comer assistindo a um filminho, a pipoca tem vários benefícios e até emagrece, desde que consumida da forma correta

Beleza

Métodos estão cada vez mais avançados para combater inseguranças, mas podem oferecer riscos durante a gravidez